EUA: Enfraquecimento na indústria e mercado imobiliário

3 min
Dan North
Dan North Senior Economist for North America

O setor industrial segue em queda. A produção industrial geral caiu -0,1% MoM em março, comparado às expectativas de um ganho de +0,3%, empurrando a taxa anual para baixo, a +2,8%. Seis meses atrás, o mesmo indicador estava em +5,4%. O componente industrial seguiu inalterado no mês, mas a taxa anual caiu para +1,0%, representando o crescimento mais lento em dois anos. As quedas foram lideradas pelo setor de vestuário, que caiu -14,5% no último ano, e pelo setor de de veículos motorizados, com queda de -2,5% MoM, chegando a uma perda de -4,5% YoY. Nove dos 19 setores industriais apresentaram queda no último ano. As dificuldades na construção civil continuaram, apesar do fato de que o Índice do Mercado Imobiliário ganhou um ponto e chegou a 63, indicando uma expansão. No entanto, o índice ainda precisa se recuperar da acentuada queda de novembro e da queda de-5 pontos no último ano. Já o componente de "Tráfego de Compradores Prospectivos" está em 47, indicando que construtores estão vendo um declínio no fluxo de clientes. Na economia como um todo, muitos relatórios recentes tem sido brandos, mas ainda mantemos a projeção de um crescimento sólido do PIB de +2,5% para 2019.